terça-feira, 15 de maio de 2007

muito à frente!

Tem-se revivido muito nos últimos tempos a obra daquele que poderia ter sido um cantor do nosso tempo e que continuaria a estar muito à frente, quer pelas melodias quer pelas letras das suas canções. Especialmente pelas letras. Os Humanos foram uma boa aposta: grandes vozes, muito estilo e respeito = um grande álbum. Deixo aqui uma letra conhecida deste nosso excêntrico, o maior de todos!, e um conselho: arranjem músicas menos conhecidas dele, vão ter uma boa surpresa :)



Estou além

Não consigo dominar
Este estado de ansiedade
A pressa de chegar
P'ra não chegar tarde

Não sei de que é que eu fujo
Será desta solidão
Mas porque é que eu recuso
Quem quer dar-me a mão

Vou continuar a procurar
A quem eu me quero dar
Porque até aqui eu só:
Quero quem eu nunca vi
Porque eu só quero quem
Quem não conheci
Porque eu só quero quem
Quem eu nunca vi
Porque eu só quero quem
Quem eu nunca conheci
Porque eu só quero quem
Quem eu nunca vi

Esta insatisfação
Não consigo compreender
Sempre esta sensação
Que estou a perder

Tenho pressa de sair
Quero sentir ao chegar
Vontade de partir
P'ra outro lugar

Vou continuar a procurar
O meu mundo
O meu lugar
Porque até aqui eu só:
Estou bem aonde não estou
Porque eu só quero ir
Aonde eu não vou
Porque eu só quero estar
Aonde não estou
Porque eu só estou bem
Aonde não estou
..
António Variações

1 comentário:

Vanina disse...

Vou continuar a procurar
O meu mundo
O meu lugar
Porque até aqui eu só:
Estou bem aonde não estou
Porque eu só quero ir
Aonde eu não vou
Porque eu só quero estar
Aonde não estou
Porque eu só estou bem
Aonde não estou


E ta td dito... :/